Trekker Trek 2015: emoção do começo ao fim

A 22° edição do Trekker Trek, que aconteceu no último domingo, dia 16 de agosto, foi repleta de adrenalina, surpresas e emoção. O público lotou a arquibancada para assistir à tradicional corrida de tratores envenenados, no Centro Esportivo Tubantia, em Holambra.
A disputa mobilizou mais uma vez as famílias holandesas da cidade das flores, que mantém a tradição desse esporte, e a plateia, composta por crianças, jovens, adultos e idosos, vibrou com a prova, que só terminou com o dia escurecendo.
Na Categoria Livre, a principal, a emoção não poderia ser maior. Depois de uma disputa acirrada entre Dick Vigarista/Henrique Reijers e Tornado/Paulo Groot pelo título dos 4.400 kg, que teve até quebra da carreta, Paulo Groot terminou desclassificado por queimar a largada. Assim, Dick comemorou a vitória, ficando em segundo e terceiro lugares os estreantes Rocky Balboa/Richard Bosmuller e Predador/Paulo Socela.
Na 3.400 kg, o trator Bandido, dessa vez com o piloto Leandro Barbosa da Silva, levou a melhor, com Tornado/Paulo Groot em segundo e Dick Vigarista/Geraldo Reijers em terceiro. Na categoria Livre 2.500 kg, a surpresa foi o piloto Renato Eltink, que ao competir com dois tratores, o Yellow Power e o Faisquinha, conquistou o primeiro e o segundo lugar no pódio, deixando Silver Star/Henricus Walravens em terceiro.
Na Iniciantes 2.400 kg, o campeão foi o Fenômeno com David Ifanger. O Furacão/Marcos Eltink foi o vice e o Alligator/Luiz Barbosa da Silva foi o terceiro.
Na Super Agrícola, o pódio dos 7.500 kg, o trator mais potente, foi formado por Kaiporão/Frederik Wolters em primeiro, Tigrão/Reinder Barkema Neto, em segundo, e Avassalador/Luiz Antonio Barbosa da Silva, em terceiro.

Problemas técnicos

Mesmo com todos os ajustes feitos antes da prova, algumas equipes sofreram com problemas técnicos. O Delta Power, do piloto Patrick Groot, sequer chegou a fazer a primeira puxada. Já o Bandido, campeão dos 3.400 kg, com um motor a menos não aguentou a puxada dos 4.400 kg. “O Trekker Trek é isso: surpresa e emoção do começo ao fim. É uma competição onde imprevistos acontecem, mesmo com todo o empenho das equipes na preparação de suas máquinas”, conta o piloto e diretor da Associação Brasileira de Trekker Trek (ABTT), Marcos Eltink, que também teve problemas com o câmbio de seu trator.

Confira a classificação dos três primeiros colocados de cada categoria:

Super Agrícola

2.500 kg
1 - Ford 4610 / Guilherme Eltink
2 - Red Neck / Herman Weijenborg
3 - Kaçulinha / Heleno Guarnieri

3.500 kg
1 - Fúria Amarela / Claudio Scheltinga
2 - Ford 6600 / Rogerio dos Santos
3 - Kaçulinha / Heleno Guarnieri
4.500 kg
1 - Predador / Paulo Socela
2 - Rocky Balboa / Richard Bosmuller
3 - CBTzão / Eduardo Groenwold

5.500 kg
1 - Mustang / Geraldo Morsink
2 - Teimoso Tibagiano / Ricardo Bouwman
3 - Roda de Fogo / Bernard Bouwman

6.500 kg
1 - Teimoso Tibagiano / Ricardo Bouwman
2 - Tigrão / Reinder Barkema Neto
3 - Kaiporão / Frederik Wolters

7.500 kg
1 - Kaiporão / Frederik Wolters
2 - Tigrão / Reinder Barkema Neto
3 - Avassalador / Luiz Antonio Barbosa da Silva

Categoria Livre

2.400 kg
1 - Fenômeno / David Ifanger
2 - Furacão / Marcos Eltink
3 - Alligator / Luiz Barbosa da Silva

2.500 kg
1 - Yellow Power / Renato Eltink
2 - Faisquinha / Renato Eltink
3 - Silver Star / Henricus Walravens

3.400 kg
1 - Bandido / Leandro Barbosa da Silva
2 - Tornado / Paulo Groot
3 - Dick Vigarista / Geraldo Reijers

4.400 kg
1 - Dick Vigarista / Henrique Reijers
2 - Rocky Balboa / Richard Bosmuller
3 - Predador / Paulo Socela

Galeria de fotos no site: www.trekkertrek.com.br.
Facebook trekkertrekholambra ou trekkertrekbrasil.

Voltar