Pilotos holandeses dão dicas para Trekker Trek

Os pilotos de trekker trek de Holambra já estão de olho na competição que acontecerá no dia 13 de julho. Para avaliar os tratores Tornado e Delta Power, esse último patrocinado pela Valtra, estiveram na cidade dois experientes pilotos holandeses. Willen Veldhuizen, de 49 anos, e Arie de Vries, 43, que fazem parte da Equipe Bits`n Pieces, vieram da Holanda a convite de Pedro Groot.

Como esse esporte é ainda muito jovem no Brasil – esse ano chega à 16ª edição -, os holandeses consideraram a estrutura bem montada. Na Holanda, a competição acontece há mais de 30 anos. Após a avaliação, os pilotos holandeses deram sugestões para melhorar a regulagem e segurança dos tratores e para mudar o formato da competição.

“Acredito que as idéias que nos deram são muito interessantes para a evolução do trekker trek no Brasil”, afirma Pedro Groot, da equipe Tornado. Segundo ele, entre as maiores diferenças do Brasil e da Holanda estão a potência e a variedade de motores. “Aqui, os tratores chegam até 2.000 cv de potência enquanto na Holanda eles chegam a 10.000 cv”, compara.

A equipe Bits`n Pieces tem dois tratores e faz parte da categoria Super Stok. Já venceu a European Champion oito vezes e por 14 vezes foi campeã da Duch Champion.

Segundo Willen Veldhuizen e Arie de Vries, as competições de tratores na Holanda são bastante competitivas. Algumas competições chegam e ter até 100 tratores inscritos. Os pilotos conheceram as etapas de trekker no Brasil através de filmes de DVD e afirmaram que são muito bem organizadas. Junto com os pilotos também veio o empresário Bart Veldhuizen, um dos patrocinadores da equipe holandesa.

Voltar